terça-feira, 4 de setembro de 2012

Agora quando vc me vem a memoria procuro pensar aquele ultimo dia, procuro me lembrar do que vc me falou e de como tudo acabou, as veses eu me esqueço de como vc realmente é pra poder sentir sua falta de uma maneira egoista... no entanto nao quero perder o inicio de minha palavras e dizer que fico tranquilo... tudo aqui estava me sufocando a anos e quando o que lhe disse saiu do meu corpo eu joguei a ultima pá de terra na nossa historia, tudo acabou como deveria acabar como eu sem querer saber sabia que iria acabar tudo fluiu como uma bela musica da qual eu dançei e por fim terminou tão bela quanto começou, sinto sua falta é verdade, no entanto sei que foi do seu geito e isso é suficiente pra mim.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

ha fò fum, isso me cheira a mudanaça !

Estou em paz.. Ou melhor, quase.
Depois da aquela carona me senti tao mal comigo mesmo que acho que te odeio o suficiente...
Pois é... Nao sinto tanto a sua falta, mas para dar um ponto final a is
so tudo entenda que nem um fim é definitivo.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

De todo fim um novo começo, pelo menos tento pensar assim; Minha vida de 6 anos.

Prefiro dizer que foi melhor assim, mesmo sem ter certeza... nossa vida sempre foi inconstante por N motivos, vai ver que agente não combina mesmo... vai ver que que faltou maturidade de alguma das partes vai ver que foi um dos N motivos... mais uma vida que deixei pra traz mas que como todas outras me deicharam coisas... das quais agora faz parte de mim, das quais me seguem sempre... daaquela musica, daquele momento, daquelas preocupações e dos casos dos quais só nós temos acesso na memoria... agora é hora de vc viver a sua historia...

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Desabafo...

Eu tive tres vidas... uma antes de vc a que eu tive durante e o que vivo hoje... no começo eu vivia coforme as ondas, ao passar do dias, do tempo... o sonho de uma vida sempre esteve distante, eu morria ao possar dias, quando conheci voçe o passar das horas eram pesados pois viver aquela adrenalina que era ter vc por perto era novo... eu vivi joguei jogamos, eu acredito que conheci vc como ninguem... não sua historia mais o os sentimentos que rondavam sua mente e seu peito, eu brincava eles ao mesmo tempo em que testava os meus, dizem que um homem se apaixona de verdade 4 veses ao longo de sua vida vc gastou tres, me conquistava dia a dia assim como a todos a sua volta, ao final me vi alguem que sentia o que vc sentia... quando vc se foi se deu um inicio outra vez... perdi o rumo durante dois anos confeço... vivi esse tempo todo só me lamento de sua ida, perdi minhas caracteristicas e com isso muito de mim mesmo.. esses anos foram os mais dificies ao final do segundo entendo que pelo seu peito vc não voltaria... entendi sua dor ao entender que eu fui uma mentira na sua vida, pensei em mil maneiras de ir até vc até quando me cansei... parti pra conquista do mundo recheado de tudo que sonhava-mos juntos em faxer um dia... estive nos melhores shows com um enorme vazio de olhos pro lado e me perguntar se aquilo era mesmo real... estive em roles epicos dos quais me perdia em momentos imaginando como seria se vc estivece ali tambem... bem... então foi a hora de crescer precisei partir, me afastei de todos um pouco mais e hoje ainda sinto sua falta... a verdade é que vc alimenta um odio, e uma saudade sem tamanho, ainda hoje dia a dia eu penso em como sera o dia que teremos a convença da qual eu fale tudo, engraçado é que ao ler coisas que eu mesmo escrevo vejo um homem apaixonado e ao ler o que eu sinto não vejo um... então se caso vc ler isso não veja paixão por favor...

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Olhos atentos pra achar alguem que eu vim procurar

Seria engraçado caso não fosse trágico, depois de anos ainda caminho olhando ao redor e imaginando se vc esta por perto, og mesmo vi vc algumas trés vezes que me forçaram como sempre tentar pensar em alguma outra coisa...